http://www.paraiba.pb.gov.br/odestadual/wp-content/themes/2014/temp/ode_fullbanner_910x90.gif

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Ministra prevê salário mínimo de R$788,06 no próximo ano

contando-dinheiro 
A ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, anunciou nesta quinta-feira (28) que o Projeto de Lei Orçamentária (Ploa) elaborado pelo governo prevê salário mínimo de R$ 788,06 a partir de 1º de janeiro de 2015. O valor representa um reajuste de 8,8% em relação aos atuais R$ 724,00. Segundo a assessoria da ministra, o impacto do aumento do salário mínimo nas contas públicas, com o pagamento de benefícios, será de R$ 22 bilhões em 2015.
Belchior fez o anúncio após entregar o projeto da Lei Orçamentária ao presidente do Senado, Renan Calheiros. Depois de ser entregue ao Congresso, o projeto passa pela análise da Câmara e do Senado e pode sofrer alterações antes de ser aprovado. O valor do salário mínimo é calculado com base no percentual de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do ano retrasado mais a reposição da inflação do ano anterior pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).
“O salário mínimo previsto no Orçamento para 2015, a partir de janeiro de 2015, será de R$ 788,06. É a regra que está estabelecida de valorização do salário mínimo”, disse a ministra ao deixar o gabinete do presidente do Senado.
A ministra disse que as “grandes prioridades” do projeto são as áreas de saúde, educação, combate à pobreza e infraestrutura. O prazo para que o Executivo envie sua previsão de como vai arrecadar e gastar os recursos públicos termina sempre no dia 31 de agosto, conforme determina a lei. Belchior pediu a Calheiros uma “análise rápida” da proposta de modo que seja aprovada até o final do ano, prazo que não precisa ser cumprido obrigatoriamente pelo Congresso. Ainda assim, o presidente do Senado disse que o pedido da ministra poderá ser atendido.
“Coloquei toda a equipe do ministério do planejamento a disposição do Congresso Nacional para os esclarecimentos necessários para que o Congresso possa fazer uma análise rápida do orçamento e poder votá-lo até o final do ano, prazo com o qual o presidente do Senado confirmou que é possível fazer”, declarou Miriam Belchior.

Zenóbio anuncia Anitta como segunda atração nacional para a Festa da Luz 2015

A-cantora-Anitta-no-Domingao-do-Faustao--size-598 
O prefeito Zenóbio Toscano anunciou nesta quinta-feira (28), em seu programa semanal de Rádio “Conversa com o Prefeito”, mais uma atração que irá abrilhantar a Festa da Luz 2015, e que será a funkeira Anitta.
Larissa de Macedo Machado, de nome artístico Anitta, é a segunda atração confirmada pelo prefeito Zenóbio para a festividade, que será aberta pelo ex-vocalista do Chiclete com Banana, Bell Marques.
A noite de abertura do evento também marcará a abertura do Parque de Eventos Poeta Ronaldo Cunha Lima, que já tem as obras em andamento.
Zenóbio revelou que a administração está em negociações adiantadas com uma terceira atração nacional, que dentro de poucos dias também será anunciada.
Annita tem se destacado como uma das principais artistas de renome nacional da atualidade, tendo se apresentado poucas vezes na Paraíba, a expectativa é de que atraia um grande público para o “Parque do Poeta”. A cantora, inclusive, tem raízes familiares em Guarabira.

TRE suspende nova pesquisa do Sistema Correio que seria divulgada nesta sexta-feira

Francisco Guedes 
O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), por meio da juíza Antonieta Maria Maroja Arcoverde Nóbrega, proibiu, nesta quinta-feira (28), a divulgação da pesquisa PB 0018/2014, encomendada pelo Sistema Correio de Comunicação ao Instituto Souza Lopes. A magistrada ainda fixou multa diária de R$ 50 mil em caso de descumprimento de sua decisão.
Essa é a quinta pesquisa Souza Lopes/Sistema Correio suspensa pela Justiça Eleitoral paraibana nestas eleições. Até agora, o instituto foi multado pelo TRE-PB em R$ 212.820 pela realização de consultas irregulares.
A suspensão da nova pesquisa Souza Lopes/Sistema Correio, que seria divulgada nesta sexta-feira (30), foi solicitada pelo candidato a deputado estadual Leandro Wagner Queiroz Barbosa (PPL), da coligação ‘A Força do Trabalho IV’, através do advogado Francisco Ferreira (foto acima).
“Entre outras irregularidades, essa nova pesquisa tinha um questionário altamente tendencioso, pois excluía os nomes de três candidatos a governador, obrigando o pesquisado a optar apenas entre os candidatos que o instituto quisesse”, explicou o advogado.
“Ao privilegiar uns em detrimentos de outros, houve por parte do instituto uma total afronta ao princípio da isonomia dos candidatos. Esse tipo de consulta não serve para representar a real intenção de voto do eleitor, pois causa grave desequilíbrio ao pleito eleitoral, já que acaba induzindo o eleitor a erro”, completou Francisco Ferreira.
Confira abaixo cópia do despacho da juíza Antonieta Maria Maroja Arcoverde Nóbrega.
7

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

RC revela não ter constrangimento em tocar obras dos antecessores Cássio e Maranhão

RC revela não ter constrangimento em tocar obras dos antecessores Cássio e Maranhão 
O governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição pela coligação A Força do Trabalho, reagiu com naturalidade as criticas feitas pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB) de que estaria inaugurando diversas obras iniciadas pelas gestões anteriores e que estaria pegando carona no chapéu alheio.

O socialista encarou com maturidade as criticas e voltou a alfinetar o seu algoz, o senador Cássio sobre as obras inacabadas que segundo o tucano foram executas pelo seu Governo”: “Ele teve coragem de dizer que tinha planejado tudo (as estradas) e que o dinheiro estava aí. Não é verdade! O que ele tinha feito era um empréstimo de R$ 100 milhões de dólares e nosso programa de estradas chega a R$ 1.240 bilhão. 10 vezes mais que o empréstimo que ele não conseguiu liberar porque o estado não tinha capacidade para isso. Se ele acha que eu fiquei constrangido de dizer que eu resgatei obras, é um elogio. Eu tenho credibilidade”, alfinetou.

PROPOSTAS: Ricardo prometeu uma série de intervenções voly“Não basta fazer como os outros candidatos fazem, dizer quer saúde é vida. É preciso transformar a defesa da vida em ação política. Como estamos construindo o Hospital do Câncer em Patos, vamos construir o Hospital de Trauma do Sertão e o Hospital de Mulher, em João Pessoa”, garantiu o governador.

Ricardo anunciou também que implantará um Centro de Pesquisa e Diagnóstico de Doenças Neurocerebrais no Hospital de Trauma de Campina Grande, que já conta com uma Unidade Vascular instalada pelo atual governo.

Coutinho também anunciou a criação da Rede Paraibana de Bancos de Leite, com 17 unidades em todo o Estado, sendo a segunda maior rede do País. Alguns dos bancos receberam, inclusive, o título de excelência da Fundação Oswaldo Cruz.
LUTO: O governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição cancelou todos os compromissos de campanha e a agenda administrativa desta quarta-feira (27) devido à morte do secretário-chefe da Casa Civil Militar, coronel Fernando Antônio Soares Chaves, vítima de um acidente de carro nesta madrugada, no Sertão da Paraíba.

De acordo com a assessoria de comunicação, Ricardo Coutinho participou no Cemitério Parque das Acácias do velório do coronel Chaves, O governador participaria de uma caminhada em prol da sua campanha no bairro do Valentina, em João Pessoa, mas o compromisso foi cancelado.
 

Cássio e Ricardo se encontram e trocam cumprimentos no velório do Coronel Chaves

velorio cássio ricardo coutinho 
O pesar pela morte do coronel Fernando Antônio Soares Chaves, secretário-chefe da Casa Militar do Governo do Estado, colocou frente a frente o governador e candidato a reeleição Ricardo Coutinho (PSB) e o ex-governador e candidato Cássio Cunha Lima (PSDB). O encontro aconteceu durante o velório do coronel, morto em um acidente automobilístico no Sertão Paraibano na noite da última terça-feira (26).
Acompanhado pelo seu candidato a vice, o deputado federal Rui Carneiro (PSDB), Cássio chegou ao velório por uma comitiva de aliados políticos. A chegada do tucano foi vista com estranhamento por presentes no evento, já que Chaves era filiado ao PSB e amigo pessoal de Ricardo Coutinho. O governador, que já estava no evento, foi cumprimentado rapidamente pelo ex-aliado, mas eles não chegaram a conversar.

Com investimento de quase meio bilhão, Ricardo criou 100 mil novas vagas nas escolas

ricardo_guia 
Com o governador Ricardo Coutinho (PSB), a educação na Paraíba passou de ano. Destaque no guia eleitoral exibido noite desta quarta-feira (27) do candidato da coligação ‘A Força do Trabalho’, a educação paraibana contou com investimentos de quase meio bilhão de reais em três anos e meio de gestão, passando pela contratação de 6 mil profissionais para a o setor, reforma ou ampliação de 352 escolas, construção de sete escolas técnicas e criação do 13º e 14º salários para os professores estaduais.
“Quando assumi o governo, encontrei um cenário desolador na educação. As escolas eram cabides de emprego, sem estrutura para professores e alunos. Encontramos um caso onde a escola só tinha a diretora e um aluno, que era seu marido. Organizei e criei mais de 100 mil novas vagas nas escolas. Na Paraíba, quem quer estudar tem vaga na rede estadual”, garantiu o governador.
A lista de investimentos é enorme. Em três anos e meio, Ricardo construiu 775 novas salas de aula, entregou 61 mil tablets e 17 mil netbooks para alunos e professores. Em 2010, a Paraíba não tinha nenhuma escola de Ensino Médio em tempo integral, e hoje tem 49, além das 445 escolas de ensino fundamental em tempo integral. Foram criados ainda 560 laboratórios de matemática, robótica e básicos.
Ao contrário da gestão do candidato do PSDB, que não entregou um só ônibus, Ricardo comprou 575 novos e distribuiu para os municípios da Paraíba. Agora, as crianças vão para a escola com ônibus e com segurança.
A agricultora Maria Petrúcia lembra com sofrimento as dificuldades enfrentadas por seus filhos para chegar até a escola antes da gestão de Ricardo Coutinho. “Esse povo que botava, por exemplo, o meu filho, pra viajar em cima de um pau de arara, eles não pensam no filho da gente. A gente vê a hora de acontecer uma tragédia, ninguém estava seguro”, relembra.
O estudante Anderson Nóbrega, filho de Petrúcia, lembrou que ir para a escola na gestão do PSDB era uma ‘aventura’, e que não havia a sensação de segurança. “A partir do momento em que Ricardo entrou no governo, já sentimos a diferença. Ele trouxe ônibus de qualidade, estradas de qualidade. Agora chegamos seguros, limpinho principalmente, o que minha mãe adora”, brincou o jovem.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Caminhão do lixo atroplela mulher em Itabaiana na manhã desta quarta-feira

Veja quem são os candidatos ameaçados nas eleições na PB

Veja quem são os candidatos ameaçados nas eleições na PB 

Os efeitos da lei da Ficha Limpa podem frustrar os planos eleitorais de alguns políticos paraibanos. Em todo o Brasil, mais de 400 candidaturas, conforme levantamento já divulgado pelo Congresso em Foco, foram contestadas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) com base na legislação, alterada em 2010 e aplicada pela primeira vez a candidatos a deputado, senador, governador e presidente da República.


Veja quem são os candidatos paraibanos contestados pelo Ministério Público Eleitoral e o motivo do pedido de indeferimento da candidatura:


Antonia Lucia Navarro Braga (PV) - teve a candidatura liberada pelo TRE, mas desistiu da disputa de deputado estadual por conta do Julgamento irregular das contas relativas à Fundação de Ação Comunitária – FAC, relativa ao exercício de 2009, por parte do TCE, por meio do Acórdão APL TC 0899/2011


Edvaldo Pereira da Silva (PTC)- Deputado Estadual- 

Julgamento irregular das contas relativas ao Convênio 711/2004, firmado entre o Projeto Co- operar e a Associação de Desenvolvimento Co- munitário Dois Riacho, por parte do TCE, por meio do Acórdão


Balduino Clementino Neto (PTN)- Deputado Estadual


Julgamento irregular das contas relativas à Câmara Municipal de Pedra Branca/PB, relativa ao exercício de 2004, por parte do TCE. Informações dão conta que o candidato desistiu da disputa.


Inovaldo Ferreira Guedes (PMN) Deputado Estadual


Julgamento irregular das contas relativas ao Convênio 045/2006, firmado entre a PBTUR e a Associação de Quadrilhas Tradicionais Matutas da Paraíba, por parte do TCE

Raoni Barreto Mendes (PDT)- Deputado Estadual

Representação por excesso de doação julgada procedente pelo TRE/PB




Genival Lacerda Cavalcante (PMDB) - Deputado Federal


Representação por excesso de doação julgada procedente pelo TRE/PE (RP N. 12-86 e no RE 110-14.2011.6.25.0000), relacionado às eleições de 2006 e 2010, respectivamente. Teve seu nome substituído na lista do PTB junto ao TRE da Paraíba pelo irmão do deputado federal Wilson Filho (PTB), Willian Santiago (PTB)


Cássio Cunha Lima (PSDB) – por cinco votos a um, o TRE liberou a candidatura do senador por entender que ele já cumpriu o prazo de inelegibilidade previsto na lei. Mas o Ministério Público Eleitoral recorre da decisão- Candidato a Governador- Condenação pelo TER.


José Wilson Santiago Filho (PTB) - Deputado Federal


Representação por excesso de doação julgada procedente pelo TRE/DF

Jose Paulo Viturino dos Santos (PCdoB) - Deputado Estadual


Condenação criminal, pela prática dos crimes de sonegação fiscal, descritos




Luciano Breno Chaves (PMN)- Deputado Estadual


Condenação criminal, por órgão colegiado, pela prática do crime descrito no art. 171.


Os candidatos acima não estão impedidos de concorrer. As contestações serão analisadas pela Justiça eleitoral, que pode barrar ou não as respectivas candidaturas. Ainda assim, cabe recurso às decisões dos tribunais eleitorais e, em último caso, ao Supremo Tribunal Federal.
 

Ricardo Coutinho fez caminhada em Santa Rita e levou várias pessoas as ruas

Lideranças políticas do PSDB, PMDB e PR anunciam apoio à reeleição de Ricardo

rc e lideranças de são josé da lagoa tapada 
Esta terça-feira (26) está sendo oportuna para o candidato à reeleição de governador na Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB). O candidato recebeu o apoio das principais lideranças de oposição do município de São José da Lagoa Tapada, no Sertão paraibano. Aderiram a Ricardo, os vereadores Raimundo Mendes (PMDB), Romero Sá (PSDB), Janjão Juy (PSDB) e Celinho Mendes (PMDB), além do ex-prefeito Toinho Amargoso (PR) e mais três suplentes.
O vereador Romero Sá explicou que a decisão de apoiar a reeleição de Ricardo foi tomada de forma coletiva pela oposição de São José de Lagoa Tapada.
Romero destacou que, além dos R$ 8,5 milhões investidos na pavimentação da PB-348/366, a gestão de Ricardo contemplou São José de Lagoa Tapada com uma ambulância e três ônibus escolares.
O governador já tinha recebido a adesão de lideranças da cidade de Aparecida.